Reprodução Humana

E quando a cegonha não vem?


O desejo da maternidade nasce em todas as mulheres. Formar uma família, carregar em seu ventre um bebê, que trará esperança e amor à família, é o desejo que todas carregam consigo. Um sentimento único que faz emergir uma sinestesia, que mexe com os instintos femininos. 

O que fazer quando em meio a tantos sentimentos e sensações o momento da maternidade não chega?

Muitos casais após um certo período de tentativas sem sucesso, continuam esperando que o momento chegue. Muitas vezes, sem saber que podem ter algum problema, deixam levar e continuam tentando. Até que chega em um ponto de estresse, ansiedade e frustração, que intensificam a demora em gerar um bebê.

Cerca de 85% dos casais obtêm sucesso após 1 ano de tentativas para engravidar. Mas quando essas tentativas são frustradas por não conseguir engravidar após esse período, é importante procurar a ajuda de um especialista para investigar as possíveis causas de infertilidade. Nesse processo são solicitados alguns exames, é investigado se no grupo familiar algum membro possui alguma alteração genética. Tanto a mulher quanto o homem podem ter fatores de infertilidade, não necessariamente apenas a mulher pode ser infértil. Aproximadamente 20% a 40% dos casais que não conseguem engravidar após 12 meses de relações sexuais frequentes, sem o uso de contraceptivos, o caso pode estar relacionado tanto com a infertilidade masculina quanto com a feminina.

Em certos casos, o tratamento para infertilidade deve ser iniciado imediatamente, casos como: mulheres que se submeteram a laqueadura tubária e homens que apresentam alterações importantes no espermograma ou fizeram a vasectomia.

Listamos alguns fatores importantes para que você procure um médico especialista:

1 Período de tentativa:

  • Menor que 38 anos - período de tentativa de até 1 ano sem uso de contraceptivos e com relação sexual frequente
  • Maior que 38 anos – período de tentativa indicado de até 6 meses sem uso de contraceptivos e com relação sexual frequente.
  • Em todos os casos, atingindo o período indicado de tentativas, procure um médico especialista para investigação da causa da infertilidade.

2 Idade da mulher: 

Mulheres acima dos 40 anos terão mais dificuldades em engravidar, já que a qualidade das células diminui e a reserva ovariana também.

3 Tabagismo: 

O casal deve procurar ajuda a partir de 6 meses, já que o tabaco pode causar envelhecimento precoce das células.

4 Obesidade;

5 Infecções como Chlamydia e prostatites;

6 Endometriose

7 Cirurgias bariátricas e inguinais;

8 Menstruação irregular: 

O ciclo menstrual da mulher deve durar entre 25 e 35 dias, não atingindo esse prazo, recomenda-se a busca por um especialista.

9 Diabetes;

10 Varicocele;

11 Síndrome dos Ovários Policísticos (SOP):

Causada por desequilíbrio hormonal e excesso de hormônio masculino.

12 Alterações da tireoide: 

Havendo um desequilíbrio na função da glândula tireoide, haverá um desequilíbrio no funcionamento dos ovários, e na produção dos hormônios LH e FSH.

13 Aumento da prolactina: 

Quando há aumento deste hormônio, os ovários não funcionam direito.

A orientação é que se você deseja engravidar, planeje a gravidez antes dos 35 anos, pois a partir dos 35 anos a reserva ovariana da mulher diminui, juntamente com a chance de engravidar. Pense antes e converse com seu ginecologista ou com o especialista em reprodução assistida sobre a infertilidade!